Saiba como implementar o trabalho híbrido na sua empresa

Basicamente, o trabalho híbrido é um modelo de trabalho flexível, semelhante ao home-office. Ele passou a ser mais conhecido após a retomada das atividades no período “pós-pandemia”, no qual estamos dando os primeiros passos, e combina o trabalho em casa com a presença no escritório para criar um ambiente fluído, que permite aos funcionários controlar onde e como trabalham. 

Gestores e força de trabalho podem se beneficiar do trabalho híbrido, pois ele reúne o melhor do ambiente remoto e do escritório. Os empregadores podem reduzir o tamanho do escritório, enquanto aumentam o número de funcionários. 

Por sua vez, os funcionários podem desfrutar de um maior controle de sua vida, aumentando o bem-estar por meio de um equilíbrio entre a vida pessoal e profissional. Ambos podem desfrutar de benefícios de produtividade e de um local de trabalho mais diversificado. 

De fato, estar totalmente remoto pode não ser adequado para algumas empresas, onde os funcionários precisam de mais estrutura para suas operações diárias. Nesse caso, um modelo que permite aos funcionários dividir sua semana entre o escritório e a casa pode ser benéfico. 

Nesse modelo de trabalho híbrido, espera-se que os funcionários venham ao escritório por um determinado número de dias ou horas por semana, enquanto passam o resto trabalhando em casa, não tendo a mesma flexibilidade de um home office, mas permite um certo grau de liberdade. 

Este modelo pode ser organizado de várias maneiras. Os funcionários podem comparecer por um determinado número de horas ou dias por semana. Eles podem receber turnos definidos e trabalhar em uma escala justa para saber quando devem ser seus horários de trabalho. Alternativamente, eles podem trabalhar semana após semana, sendo necessário que fiquem no escritório por uma semana e depois trabalhem de casa na próxima. 

Dicas básicas para um modelo híbrido de sucesso 

As empresas que optam por adotar o modelo híbrido precisam estabelecer regras claras para a sua força de trabalho. Por exemplo, definir com que frequência eles podem trabalhar remotamente e quando será recomendado ir ao escritório. 

Além disso, outros desafios que definem o trabalho remoto permanecem relevantes. Os funcionários devem receber os recursos necessários para trabalhar remotamente com conforto e a comunicação deve ser clara o tempo todo, evitando mal-entendidos em reuniões remotas, por exemplo. 

Outra preocupação que vem ganhando destaque à medida que mais empresas percebem que alguns funcionários sempre preferem trabalhar em casa, enquanto outros escolhem estar no escritório, é garantir que todos recebam tratamento igual, independentemente de suas preferências. 

Para resolver essas barreiras três mudanças básicas são necessárias ao adotar o trabalho híbrido: 

1. Investir em tecnologia 

Como a empresa ainda é responsável por fornecer a infraestrutura para os trabalhadores, é imprescindível investir em tecnologia, tanto hardware quanto software, provendo suporte ao dia a dia do trabalho.  

Isso pode significar a compra de computadores, webcams, microfones e softwares que ajudam os funcionários a entregar resultados independentemente de sua localização. 

2. Ter tudo na nuvem 

Ter um ambiente online seguro para os dados que os funcionários podem acessar remotamente é fundamental. E a segurança é primordial, pois os dados se tornam uma mina de ouro e um passivo a cada dia que passa. 

3. A comunicação é fundamental 

Tenha objetivos claros definidos e comunicados disponíveis em toda a empresa e online, para que todos possam ver. Ter ferramentas de apoio à gestão e comunicação é extremamente valioso e compensa o investimento, assim como a gravação de reuniões importantes. 

Investir em ferramentas de produtividade e segurança é fundamental na implementação do trabalho híbrido 

Apoiar os funcionários com a tecnologia e as ferramentas certas é uma etapa crítica. 

Existem duas implicações principais que podem surgir se os funcionários não tiverem acesso às ferramentas de produtividade e segurança, fornecidas pela empresa de que precisam.  

Em primeiro lugar, isso pode resultar na redução da produtividade e no aumento da frustração entre os funcionários que sentem que não estão preparados para o sucesso em seu ambiente de trabalho remoto.  

Em segundo lugar, sem o equipamento de produtividade adequado, os funcionários podem recorrer ao uso de seus próprios dispositivos pessoais. Isso leva a duplicação de dados em várias plataformas, bem como a grandes volumes de dados confidenciais armazenados em dispositivos pessoais, aumentando o risco de exposição. 

Para gerenciar com segurança a enorme quantidade de dados gerados pelas empresas, elas precisam prevenir, detectar e responder às ameaças onde quer que elas ocorram. Isso representa um desafio no rastreamento, gerenciamento e proteção de dados confidenciais armazenados em terminais ou dispositivos de funcionários. 

As organizações devem oferecer suporte e treinamento aos seus funcionários para ajudá-los a trabalhar facilmente com ambos. Isto inclui o fornecimento de uma lista de ferramentas recomendadas, treinamento sobre como usá-las e implementar medidas de segurança, proteção e privacidade de dados adequadas para ajudar a manter as informações protegidas. 

Com a N&DC, sua empresa pode construir o melhor modelo de trabalho híbrido. Tenha uma infraestrutura de tecnologia empresarial segura e adaptada aos desafios atuais, mitigando os riscos da proteção de dados, garantindo a confidencialidade, integridade e disponibilidade das informações e operações de negócio, além de um ambiente adequado para o funcionamento de toda sua estrutura de tecnologia. 

Para saber como desenvolver um ambiente híbrido, colaborativo, eficaz e seguro em sua empresa, entre em contato agora mesmo com os nossos especialistas. 

Sobre a N&DC 

A N&DC é uma integradora de soluções de Tecnologia, Telecom e Serviços e vem atuando no mercado corporativo há 20 anos oferecendo tecnologia de ponta. 

Conta com um time de profissionais capacitados, certificados, e com vasta experiência no setor em que atua, sempre visando no desenvolvimento de soluções de TI focando na excelência em atendimento e prestação de serviços” e apoiando nossos clientes do início ao fim. 

O objetivo de toda equipe é continuar distribuindo soluções de tecnologia com alto desempenho para diversos segmentos, fornecendo infraestrutura, inovação e serviços de qualidade e que se adequam as necessidades atuais do mercado de TI com comprometimento, dedicação, honestidade e seriedade. 

Tecnologia de forma simples, segura e completa! 

Para saber como garantir a segurança da informação em sua empresa, entre em contato agora mesmo com os nossos especialistas. 

N&DC Systems IntegrationSaiba como implementar o trabalho híbrido na sua empresa
Leia Mais

O que é Zero Trust Network Access e por que é importante para a segurança das empresas?

Em organizações com funcionários remotos, a produtividade depende principalmente do acesso seguro e confiável a aplicativos, serviços e dados através da Internet de qualquer dispositivo, local ou horário. Ainda assim, a Internet pode expor endereços IP e criar riscos de segurança devido à confiança implícita e uma série de vulnerabilidades.

Basicamente, o acesso à rede de confiança zero (Zero-trust network access – ZTNA) oculta a localização através do endereço IP e usa autenticação baseada em identidade para estabelecer confiança e fornecer acesso.

O ZTNA adapta adequadamente o acesso a aplicativos ou dados específicos em um determinado momento, local ou dispositivo. Desta forma, o Zero-trust network access fornece às equipes de TI controle centralizado e flexibilidade aprimorada para proteger ambientes de tecnologia altamente distribuídos.

Na prática, ZTNA é um conceito, e não um produto específico. Vários fornecedores de TI, rede e segurança implementam o Zero-trust network access de maneiras diferentes. Com o tempo, esses fornecedores implementarão o acesso à rede de confiança zero para substituir a antiga infraestrutura de VPN e como parte de uma arquitetura geral do Secure Access Service Edge (SASE).

Os desafios do antigo modelo de segurança de rede

Muitas empresas dependem da Internet para o acesso dos usuários aos aplicativos, seja no local por meio de uma VPN ou acesso direto à Internet baseado em nuvem. O acesso à Internet expõe endereços IP, que podem localizar usuários e recursos, os revelando para ataques.

Essa visibilidade, combinada com um modelo que confia implicitamente nos usuários e dispositivos, torna a rede, usuários e dispositivos vulneráveis.

O enorme crescimento da força de trabalho remota a partir de 2020 ampliou as fraquezas do antigo modelo de segurança. Os usuários normalmente trabalham em casa utilizando dispositivos e redes Wi-Fi não seguros, acessando aplicativos diretamente pela Internet. A tecnologia VPN foi projetada principalmente para aplicativos baseados em empresas, não ambientes de nuvem, difícil de dimensionar, gerenciar e solucionar problemas.

A falta de um verdadeiro perímetro de segurança significa que os usuários não devem e não podem confiar nas conexões internas em suas redes.

Os produtos e serviços da ZTNA criam acesso baseado em identidade e contexto, pois a rede de confiança zero oculta recursos da descoberta e fornece acesso por meio da autenticação, que atua como um mediador entre aplicativos específicos e usuários autorizados.

Além disso, o ZTNA fornece controle centralizado, com escalabilidade e flexibilidade para oferecer aos usuários acesso apropriado de acordo com seus dispositivos, locais e horários do dia.

De fato, os dispositivos IoT e os equipamentos do usuário não são visíveis diretamente da Internet, reduzindo assim a superfície de ataque. O ZTNA pode identificar comportamento anômalo, como tentativa de acesso a dados restritos, downloads de quantidades incomuns de dados ou acesso em horário incomum.

ZTNA para equipes de TI e segurança corporativas

Funcionários e parceiros de negócio precisam de acesso a aplicativos corporativos e baseados em nuvem a qualquer hora, lugar e em qualquer dispositivo. Dispositivos IoT relativamente inseguros devem se conectar com segurança à rede corporativa e ambientes em nuvem.

A falta de um perímetro de segurança e as desvantagens de tecnologias obsoletas, a exemplo das VPNs, criaram a necessidade de arquiteturas de confiança zero. O ZTNA fornece segurança para aplicativos, usuários remotos e dispositivos IoT. Seus princípios pontos de verificação para todos os acessos fazem sentido para a maioria das organizações.

Desta forma, o ZTNA pode substituir o acesso VPN e tornar o suporte a um grande número de usuários remotos mais fácil e seguro. O Zero Trust Network Access é mais uma capacidade do que um produto e provavelmente será implementado gradualmente ao longo do tempo como parte de uma migração para uma arquitetura baseada em SASE.

Com a N&DC sua empresa pode contar com a infraestrutura de rede empresarial segura e adaptada aos desafios atuais, mitigando os riscos da proteção de dados, garantindo a confidencialidade, integridade e disponibilidade das informações e operações de negócio, além de um ambiente adequado para o funcionamento de toda sua estrutura de tecnologia.

Se você estiver sob ataque, ou queira saber como garantir a segurança da rede da sua empresa e seus colaboradores, entre em contato agora mesmo com os nossos especialistas.

Sobre a N&DC

A N&DC é uma integradora de soluções de Tecnologia, Telecom e Serviços e vem atuando no mercado corporativo há 20 anos oferecendo tecnologia de ponta.

Conta com um time de profissionais capacitados, certificados, e com vasta experiência no setor em que atua, sempre visando no desenvolvimento de soluções de TI focando na excelência em atendimento e prestação de serviços” e apoiando nossos clientes do início ao fim.

O objetivo de toda equipe é continuar distribuindo soluções de tecnologia com alto desempenho para diversos segmentos, fornecendo infraestrutura, inovação e serviços de qualidade e que se adequam as necessidades atuais do mercado de TI com comprometimento, dedicação, honestidade e seriedade.

Tecnologia de forma simples, segura e completa!

Para saber como garantir a segurança da informação em sua empresa, entre em contato agora mesmo com os nossos especialistas.

N&DC Systems IntegrationO que é Zero Trust Network Access e por que é importante para a segurança das empresas?
Leia Mais

Veja como o ransomware atua e como evitá-lo

Ataques de ransomware estão ocorrendo globalmente e ninguém está seguro. À medida que a tecnologia avança, também avançam os golpistas e os cibercriminosos. A exemplo do uso da pandemia de Covid-19, os ataques exploram estratégias e pontos fracos que impactam usuários e dispositivos digitais, permitindo que os invasores acessem sistemas e arquivos.

Basicamente, Ransomware é um malware que sequestra todos os seus arquivos e sistemas, tornando sua empresa refém. torna os seus dados o sistema de um computador refém. Os invasores normalmente exigem que os usuários paguem um resgate para recuperar o acesso ao seu sistema. O ransomware é geralmente entregue como um anexo por e-mail, mas também pode ser baixado da web, em outros casos, os invasores conseguem explorar vulnerabilidades em seu ambiente e roubam seus dados antes de executar o sequestro (ataque).

Operando como um Trojan, o ransomware tem sua carga maliciosa entregue por outra fonte. Depois que a carga útil infecta um sistema, ele executa o download do malware para sua máquina.

Ele então vasculha o sistema do computador infectado em busca de arquivos vitais e os criptografa com uma chave de criptografia inquebrável. Isso bloqueia as vítimas de seus sistemas.

O computador da vítima é inútil, exceto para fazer uma coisa: pagar o resgate

Com alguns malwares, um computador pode ser inicializado usando uma unidade flash. Esta unidade possui um sistema operacional especial e software anti-malware para limpar o sistema infectado. Mas o ransomware assume o controle de um computador de tal forma que é difícil que a vítima consiga recuperar o sistema operacional.

E mesmo se a vítima puder obter acesso aos arquivos criptografados, eles serão inúteis porque estão criptografados. Para descriptografar arquivos e recuperar o acesso ao sistema, as vítimas precisam de uma chave de descriptografia, obtida pagando um resgate aos invasores.

O resgate é geralmente exigido em bitcoins ou outras criptomoedas porque são mais fáceis de movimentar.

Outras formas mais agressivas de ransomware exploram brechas de segurança para infectar um sistema, para que não precisem enganar os usuários. O malware também pode ser espalhado por meio de mensagens de bate-papo, unidades USB (Universal Serial Bus) removíveis ou plug-ins de navegador.

A criptografia é um dos recursos mais eficazes no ataque de ransomware hoje

Os invasores usam algoritmos de criptografia complexos para criptografar todos os dados salvos no dispositivo. Em comparação com os bloqueios de tela, a criptografia utilizada no ataque de ransomware coloca os dados da vítima em perigo mais imediato e não há garantia de que as informações retornem à vítima após a negociação.

Em ambos os casos, a vítima pode receber uma mensagem pop-up ou uma nota de resgate por e-mail avisando que, se a quantia exigida não for paga em uma data específica, a chave privada necessária para desbloquear o dispositivo ou descriptografar os arquivos serão destruídos.

Quais são os efeitos do ransomware nas empresas?

O impacto de um ataque de ransomware em uma empresa pode ser devastador e a adoção descuidada do home office diante da pandemia do novo coronavírus tem causado o aumento no número desses ataques e nos prejuízos causados por eles.

Alguns efeitos incluem o seguinte:

  • Perda de dados de uma empresa;
  • Comprometimento da marca;
  • Vazamento de informações, (LGPD);
  • Vazamento de informações de clientes, (LGPD);
  • Tempo de inatividade como resultado de infraestrutura comprometida;
  • Perda de produtividade como resultado do tempo de inatividade;
  • Perda de receita potencial;
  • Esforços de recuperação dispendiosos que potencialmente superam o próprio resgate;
  • Danos de longo prazo aos dados e à infraestrutura de dados;
  • Danos à reputação anterior de uma empresa como segura;
  • Perda de clientes e, no pior dos casos, o potencial de danos pessoais se a empresa lida com serviços públicos, como saúde.

Como você evita ataques de ransomware?

Para se proteger contra ameaças de ransomware e outros tipos de extorsão cibernética, os especialistas em segurança recomendam que os usuários façam o seguinte:

  • Faça backup de dispositivos de computação regularmente.
  • Faça um inventário de todos os ativos.
  • Atualize o software, incluindo software antivírus.
  • Faça com que os usuários finais evitem clicar em links em e-mails ou abrir anexos de e-mail de estranhos.
  • Evite pagar resgates.
  • Evite fornecer informações pessoais.
  • Não use dispositivos USB desconhecidos.
  • Use apenas fontes de download conhecidas.
  • Personalize as configurações do anti-spam.
  • Monitore a rede para atividades suspeitas.
  • Use uma rede segmentada.
  • Ajuste o software de segurança para verificar arquivos compactados e arquivados.
  • Desative a web após detectar um processo suspeito em um computador.

Embora os ataques de ransomware possam ser quase impossíveis de parar, indivíduos e organizações podem tomar medidas importantes de proteção de dados para garantir que os danos sejam mínimos e a recuperação seja o mais rápida possível.

Acima de tudo, as empresas devem treinar sua equipe para nunca abrir anexos de remetentes desconhecidos. Um bom software antivírus verifica todos os anexos quando eles chegam à caixa de entrada do usuário, mas se uma carga maliciosa passar, o bom senso deve prevalecer.

Mesmo que o anexo venha de um remetente conhecido, é uma boa ideia verificar se essa pessoa o enviou. Um método comum de replicação de malware é percorrer o catálogo de endereços de um usuário infectado e enviar código malicioso para cada endereço que encontrar. O ransomware também funciona assim.

Com a N&DC sua empresa pode contar com a infraestrutura de rede empresarial segura e adaptada aos desafios atuais, mitigando os riscos da proteção de dados, garantindo a confidencialidade, integridade e disponibilidade das informações e operações de negócio, além de um ambiente adequado para o funcionamento de toda sua estrutura de tecnologia.

Se você estiver sob ataque, ou queira saber como garantir a segurança da rede da sua empresa e seus colaboradores, entre em contato agora mesmo com os nossos especialistas.

Sobre a N&DC

A N&DC é uma integradora de soluções de Tecnologia, Telecom e Serviços e vem atuando no mercado corporativo há 20 anos oferecendo tecnologia de ponta.

Conta com um time de profissionais capacitados, certificados, e com vasta experiência no setor em que atua, sempre visando no desenvolvimento de soluções de TI focando na excelência em atendimento e prestação de serviços” e apoiando nossos clientes do início ao fim.

O objetivo de toda equipe é continuar distribuindo soluções de tecnologia com alto desempenho para diversos segmentos, fornecendo infraestrutura, inovação e serviços de qualidade e que se adequam as necessidades atuais do mercado de TI com comprometimento, dedicação, honestidade e seriedade.

Tecnologia de forma simples, segura e completa!

Para saber como garantir a segurança da informação em sua empresa, entre em contato agora mesmo com os nossos especialistas.

N&DC Systems IntegrationVeja como o ransomware atua e como evitá-lo
Leia Mais

A importância da segurança física de instalações para proteção de dados

Proteger dados importantes, informações confidenciais, redes, software, equipamentos, instalações, ativos da empresa e pessoal é o objetivo da segurança física de instalações.

Existem dois fatores pelos quais a segurança pode ser afetada. Primeiro ataque natural, como inundação, incêndio, flutuação de energia, etc. Embora as informações não sejam mal utilizadas, é muito difícil recuperá-las podendo ocorrer perda permanente de dados.

O segundo é o ataque da parte mal-intencionada, que inclui terrorismo, vandalismo e roubo de dados. Toda a organização enfrenta diferentes tipos de ameaças à segurança física.

A proteção das instalações é muito importante, mas é geralmente negligenciada pela maioria das organizações. A segurança é necessária se você não deseja que ninguém roube suas informações ou as destrua, em caso de calamidade natural ou roubo físico de dados.

O motivo pode ser qualquer coisa, o invasor fazendo isso para ganho pessoal ou financeiro, em busca de vingança ou você era o alvo vulnerável disponível.

Se essa segurança não for mantida adequadamente, todas as medidas de segurança serão inúteis depois que o invasor conseguir obter acesso físico.

A importância da segurança física de instalações

Basicamente, a segurança física de instalações é a proteção de pessoal, hardware, software, redes e dados de ações físicas e eventos que podem causar sérias perdas ou danos a uma empresa, agência ou instituição.

Isso inclui proteção contra incêndio, inundação, desastres naturais, roubo, vandalismo e terrorismo. Embora a maioria deles seja coberta por seguro, a priorização da defesa das instalações na prevenção de danos evita a perda de tempo, dinheiro e recursos devido a esses eventos.

A estrutura de proteção é composta por dois componentes principais: controle de acesso e vigilância. O sucesso do programa de segurança física de instalações de uma organização muitas vezes pode ser atribuído a quão bem cada um desses componentes é implementado, melhorado e mantido.

Controle de acesso

A chave para maximizar as medidas de defesa de uma pessoa é limitar e controlar o que as pessoas têm acesso aos locais, instalações e materiais.

O controle de acesso abrange as medidas tomadas para limitar a exposição de certos ativos apenas ao pessoal autorizado.

Exemplos dessas barreiras corporativas geralmente incluem crachás de identificação, teclados e guardas de segurança. No entanto, esses obstáculos podem variar muito em termos de método, abordagem e custo.

O prédio costuma ser a primeira linha de defesa para a maioria dos sistemas de segurança física de instalações. Itens como cercas, portões, paredes e portas atuam como impedimentos físicos à entrada de criminosos.

Fechaduras adicionais, arame farpado, medidas de segurança visíveis e sinais reduzem o número de tentativas casuais realizadas por cibercriminosos.

Controles de acesso mais sofisticados envolvem uma abordagem com suporte de tecnologia. Scanners e cartões de identificação são métodos de autenticação física que as equipes de segurança podem usar para verificar as identidades de indivíduos que entram e saem de várias instalações.

Usando obstáculos colocados taticamente, as organizações podem dificultar o acesso de invasores a ativos e informações valiosas. Da mesma forma, essas barreiras aumentam o tempo que leva para os atores da ameaça realizarem atos de roubo, vandalismo ou terrorismo.

Quanto mais obstáculos existem, mais tempo as organizações têm para responder às ameaças à segurança física e contê-las.

Vigilância

Este é um dos componentes de segurança física mais importantes para prevenção e recuperação pós-incidente.

Vigilância, neste caso, refere-se à tecnologia, pessoal e recursos que as organizações usam para monitorar a atividade de diferentes locais e instalações reais e com capacidade de monitorar e controlar aplicativos, dispositivos e usuários em tempo real.

Esses exemplos podem incluir guardas de patrulha, sensores de calor e sistemas de notificação.

O tipo mais comum de vigilância são as câmeras de circuito fechado de televisão com uso de câmeras que gravam a atividade de uma combinação de áreas.

O benefício dessas câmeras de vigilância é que elas são tão valiosas para capturar o comportamento criminoso quanto para evitá-lo. Os atores de ameaças que veem uma câmera estão menos inclinados a arrombar ou vandalizar um prédio por medo de ter sua identidade gravada.

Da mesma forma, se um determinado ativo ou equipamento for roubado, a vigilância pode fornecer a evidência visual necessária para identificar o culpado e suas táticas.

Temperatura ambiente

Os servidores são muito sensíveis à temperatura. Você deve manter uma certa faixa de temperatura para mantê-los funcionando bem. Este limite de temperatura pode variar dependendo do tamanho do seu data center, da idade do seu equipamento e da sua localização geográfica.

Os sensores de temperatura ambiente detectam rapidamente os sinais de superaquecimento para ajudá-lo a evitar o tempo de inatividade.

Além da temperatura, o nível de umidade no data center também é importante na segurança das instalações. Se a umidade cair muito, isso pode resultar em descarga eletrostática.

Se a umidade subir muito, isso leva ao acúmulo de umidade. Os sensores de temperatura ambiente alertam quando a umidade atinge um nível fora da faixa designada, para você poder ajustar os níveis de umidade antes que ocorram problemas.

Importância da segurança física e estrutural da rede

Uma empresa precisa de controle administrativo, técnico e físico para administrar sua organização sem problemas.

Os controles administrativos incluem construção, localização do local, resposta a emergências e controles técnicos incluem câmera, cartões inteligentes para acesso, guardas, enquanto as restrições físicas consistem em alarmes de intrusão e segurança de perímetro e controle da temperatura ambiente.

A segurança física e estrutural é geralmente esquecida quando se trata de segurança. A maioria das empresas tende a cuidar dos aspectos técnicos e administrativos da segurança.

Todos os firewalls, sistema de detecção de intrusão, criptografia e outras medidas de segurança seriam inúteis se alguém fosse capaz de invadir e roubar os ativos ou dados importantes.

Além disso, uma mudança na temperatura ambiente no data center também pode resultar em tempo de inatividade causado por superaquecimento, danos ao hardware devido ao acúmulo de umidade ou falha completa do sistema. Com o equipamento de rastreamento correto, você pode detectar e solucionar problemas de temperatura ambiente de forma rápida e eficiente. Com gerenciamento integrado de vários sites físicos por meio de um único console da Web intuitivo, supervisão e alertas automáticos.

Com a N&DC, sua empresa pode contar com a infraestrutura de rede empresarial segura e adaptada aos desafios atuais, mitigando os riscos da proteção de dados, garantindo a confidencialidade, integridade e disponibilidade das informações e operações de negócio, além de um ambiente adequado para o funcionamento de toda sua estrutura de tecnologia, com capacidade de monitorar e controlar aplicativos, dispositivos e usuários em tempo real.

Para saber como garantir a segurança da informação em sua empresa, entre em contato agora mesmo com os nossos especialistas.

 

N&DC Systems IntegrationA importância da segurança física de instalações para proteção de dados
Leia Mais

N&DC moderniza sua identidade visual lançando seu novo branding ao completar 20 anos.

A Identidade visual é muito importante para todas as empresas. E, partir de hoje, apresentamos a nossa nova identidade visual. Uma marca moderna, que vai de encontro aos princípios que estamos diariamente entregando aos nossos clientes.  A N&DC conta com um time de Customer Experience dedicado à adoção de tecnologias e administração de Serviços Inteligentes.

 O objetivo do novo design é atualizar a identidade atual da marca que traz elementos desde a fundação, em 2001.  A N&DC vem acompanhando a evolução do setor de Tecnologia e Telecom, e ao atingir os 20 anos de mercado buscou além estar alinhada com os padrões, traduzir seus valores trazendo tecnologia de forma simples, segura e completa para a transformação digital em seu Branding.

O seu novo visual traz as iniciais “N&DC” em letra Maiúscula em um tom azul com o elemento de CX “Customer Experience” como um ícone, traduzindo um dos principais pilares da empresa atualmente, que é o foco na experiência do cliente com cores nos tons de verde, azul e amarelo.

A decisão de mudar a identidade de uma marca traz consigo grandes oportunidades, pois moderniza a empresa e traz a projeção para o mercado agregando valor em seus serviços, Software, Estratégia de Segurança que são oferecidas com foco nas necessidades dos clientes.

 Crescemos, Evoluímos, e estamos de identidade nova.

#ndcsi 20anos

Parabéns N&DC!

Por Jacyara Manzato
Marketing
Setembro / 2021

N&DC Systems IntegrationN&DC moderniza sua identidade visual lançando seu novo branding ao completar 20 anos.
Leia Mais

Como adaptar a rede empresarial para sua equipe em home office.

A atual crise de pandemia de COVID-19 alterou os padrões de tráfego de rede e acelera as tendências em direção a sistemas sem fio, móveis e baseados em nuvem. Já vimos um aumento no acesso remoto e no tráfego principal da Internet, bem como uma redução massiva no tráfego da rede empresarial, uma vez que a maioria da força de trabalho está em home office.

A dependência do home office enfatiza a necessidade de um serviço de banda larga seguro e confiável e potencialmente impulsiona o crescimento da rede para da Banda Larga de Alta Velocidade (ex. FTTH, 4G, GPON) como o link principal ou secundário para trabalhadores distribuídos.

A necessidade de operações eficientes da rede empresarial mudou drasticamente à medida que as empresas aumentam seus recursos para manter operações ininterruptas de redes de data center e comunicações de negócio.

Desafios da rede empresarial durante a pandemia de covid-19

O surto de COVID-19 está afetando todos os setores das organizações. Um aumento na força de trabalho remota criou desafios de capacidade tecnológica nos departamentos de TI das empresas, inibindo sua capacidade de fornecer suporte às necessidades organizacionais que mudam rapidamente.

A escalada do home office aumentou a demanda da infraestrutura de rede empresarial, com um acréscimo significativo nos requisitos de suporte ao usuário e novos obstáculos de gerenciamento de ameaças à segurança.

Temos basicamente três desafios comuns que as equipes de TI estão enfrentando visando garantir a conectividade da rede empresarial e aumento da força de trabalho remota trazida pelo COVID-19:

Conectividade fora do escritório

Garantir uma conexão estável e segura entre os usuários finais e a rede empresarial, dados e / ou aplicativos está se tornando significativamente mais desafiador. Agora que as organizações estão fora do escritório e potencialmente em todo o mundo. Existem simplesmente mais camadas para gerenciar e mais pontos de falha para cobrir.

Em muitos casos, os departamentos de TI têm se esforçado para manter uma infraestrutura de rede empresarial confiável e ideal para facilitar o aumento da carga e as novas demandas. Eles não têm uma equipe interna adequada para gerenciar com eficácia essas necessidades.

O fato do conceito de rede local tem uma nova dimensão nesse novo cenário da pandemia, visto que as redes corporativas foram estendidas até a casa dos seus colaboradores. Com isso o conceito de redes baseadas em intenção e com visibilidade das aplicações facilitaram a vida das empresas que já tinha esse tipo de tecnologia implementada.

Fornecimento de suporte ao usuário final

A COVID-19 forçou muitas organizações a implantar rapidamente novas ferramentas para ajudar a colaborar e se comunicar em toda a organização, com seus clientes e parceiros.

Com o desconhecimento e a falta de experiência com essas novas ferramentas e recursos, os usuários finais ficam frustrados e inevitáveis ​​ao telefone com a central de atendimento.

Esse influxo de solicitações de suporte ao usuário fez com que os departamentos de TI internos se dispersassem muito, especialmente para organizações de TI que compartilham responsabilidades entre equipes.

Lembre-se de que ainda temos a infraestrutura expandida que precisamos gerenciar. Este problema está ficando cada vez mais desafiador.

Gerenciando os riscos de segurança adicionais do COVID-19

Agora que os dados não são mais mantidos somente entre “paredes da empresa”, eles representam um risco adicional de vazamento e perda de dados.

Sejamos realistas, em decorrência de tudo o que aconteceu nesses últimos meses, “nossas guardas estão abatidas” e estamos suscetíveis a ataques, uma vez que as ações de proteção e segurança ficaram abaladas em decorrência do momento atual que visa a continuidade do negócio, em um cenário de transição entre o escritório e o home office.

Muitas organizações de TI estão lidando atualmente com um aumento nos incidentes de segurança à medida que seus usuários são vítimas do aumento de ameaças de phishing e malware.

Portanto, agora temos um departamento de TI já sobrecarregado para lidar com a mudança da estrutura da rede empresarial, suporte ao usuário e necessidades de segurança. Como vamos resolver isso? Deve haver uma maneira mais eficaz.

Como manter e dar suporte a rede empresarial para atender à demanda crescente e em constante mudança

Os líderes de rede corporativa precisarão reforçar as mudanças forçadas a eles em 2020 e se concentrar em novas iniciativas de conectividade corporativa para atender às demandas de uma economia ressurgente.

Aqui estão os principais itens da lista de tarefas de conectividade corporativa:

  • Permitir que uma força de trabalho remota permanente ampliada seja altamente produtiva, com links de rede confiáveis ​​e de alta largura de banda;
  • Adoção de tecnologias seguras para interconexão (VPN, Cloud, SD-Wan);
  • Preparar uma rede empresarial segura para que os trabalhadores possam retornar à conectividade do escritório com seus dispositivos, que eventualmente podem estar desatualizados.
  • Redes baseadas em intenção e visibilidade de aplicações;

Na prática, o caminho a seguir será diferente para cada empresa e repleto de variáveis ​​que serão difíceis de avaliar.

Por exemplo, o tamanho e a duração da inevitável recuperação dos negócios são impossíveis de prever e podem variar amplamente de um setor para outro.

Para muitas empresas, uma abordagem de prontidão vigilante, na qual novas tecnologias são implantadas de forma incremental, posicionará essas organizações para se moverem rapidamente quando surgirem oportunidades.

Com a N&DC, sua empresa pode contar com a infraestrutura de rede empresarial segura e adaptada aos desafios do home office, mitigando os riscos da proteção de dados, garantindo a confidencialidade, integridade e disponibilidade das informações e operações de negócio em toda sua infraestrutura de tecnologia.

Para saber como garantir a segurança da informação em sua empresa ente em contato com nossos especialistas para saber mais!

Sobre a N&DC

A N&DC é uma integradora de soluções de Tecnologia, Telecom e Serviços e vem atuando no mercado corporativo há 19 anos oferecendo tecnologia de ponta. Conta com um time de profissionais capacitados, certificados, e com vasta experiência no setor em que atua.

Nossa missão é servir com excelência para o sucesso dos nossos clientes através da Inovação tecnológica, atendendo as necessidades dos nossos Colaboradores, Parceiros e Acionistas.

O objetivo de toda equipe N&DC é continuar distribuindo soluções de tecnologia com alto desempenho para diversos segmentos, fornecendo infraestrutura, inovação e serviços de qualidade e que se adequam as necessidades atuais do mercado de TI.

N&DC Systems IntegrationComo adaptar a rede empresarial para sua equipe em home office.
Leia Mais

Sua empresa precisa de segurança de rede com uma arquitetura nativa de nuvem?

Neste momento ocorre uma meta comum para muitas empresas, independente do seu tamanho ou segmento: adotar serviços hospedados em nuvem, investindo em tecnologia portátil e móvel habilitada para Internet das Coisas (IoT) e tornar suas soluções de tecnologia internas mais responsivas, modernizadas e principalmente seguras para um público de usuários mais amplo.

Uma parte importante da adoção de tantas dessas novas tecnologias é a convergência da rede e da segurança em um único serviço baseado em nuvem – também conhecido como Secure Access Service Edge (SASE).

Com o SASE, as empresas não precisam mais se preocupar em ter uma rede que é muito rígida e imutável e medidas de segurança que são muito focadas em um data center.

As organizações podem adaptar seu modelo SASE aos seus requisitos de negócios atuais e projetados, bem como às suas redes legadas, mas nem toda organização precisa de um modelo SASE entregue por meio da nuvem.

Para tanto, vamos examinar as melhores maneiras de adaptar seu modelo SASE de acordo com suas necessidades e objetivos de negócios, bem como os motivos pelos quais eles são tão populares entre as organizações de digitalização rápida.

Foco na satisfação do cliente

As soluções de segurança hospedadas na nuvem trazem ainda mais conveniência na forma de controles de segurança automatizados, uma variedade de aplicativos baseados na web seguros e, é claro, opções fáceis de usar para processamento, por exemplo, de pagamentos e checkout.

Os sistemas baseados em nuvem podem eliminar a necessidade das empresas protegerem seu processamento online para que possam se concentrar mais em cultivar uma quantidade maior de conveniência e satisfação para o cliente.

Se sua empresa ainda não consegue integrar completamente a segurança hospedada em nuvem com sua rede, pode fazer mais sentido se concentrar primeiro na conveniência quando se trata de processar dados dos clientes.

No caso de operações de pagamentos, por exemplo, considere um modelo SASE que faz parte de um pacote de processamento de pagamento gerenciado que vem pronto com certificação PCI-DSS, o que significa que seus clientes podem pagar online sempre que quiserem usando seu cartão de crédito ou um pagamento bancário seguro.

Maximize a conveniência do cliente, bem como a conveniência para você mesmo, por meio do SASE, permitindo que produtos e serviços oferecidos por sua empresa possam fluir automaticamente para suas operações de negócio para que você nunca perca o controle dos dados no futuro.

Com o armazenamento em nuvem habilitado para SASE, os dados podem se tornar mais seguros e acessíveis, mesmo na ausência de um modelo SASE que seja totalmente integrado como parte da rede de uma empresa.

Use segurança hospedada na nuvem

Embora seja verdade que o SASE pode eliminar a necessidade de ferramentas de segurança que já existem no local, muitas empresas ainda podem precisar usar essas ferramentas que existem como parte de uma arquitetura de segurança de nuvem híbrida.

Alternativas como infraestrutura de segurança gerenciada por proteção na nuvem privada ou SASE que vem como parte de um pacote de serviço gerenciado podem ser mais sensatas para certas empresas.

De modo geral, as empresas que desejam convergir sua rede com suas soluções de segurança tradicionalmente pagam às empresas de software para construir uma infraestrutura na qual possam hospedar o software de segurança.

Infelizmente, esse método de integração também exige que as empresas lidem com quaisquer problemas que ocorra em relação aos usuários que precisam acessar a infraestrutura de seus computadores, esse ônus não recai mais sobre os ombros das empresas que adotam um modelo SASE às suas necessidades e objetivos.

O incrível aumento nas ferramentas e recursos hospedados na nuvem agora possibilita que as empresas paguem um serviço de nuvem privada para cuidar do gerenciamento de sua segurança.

Em vez de assumir a grande responsabilidade de criar sua própria infraestrutura massiva, as empresas podem usar serviços de fornecedores para hospedar um produto de segurança na nuvem e evitar o pagamento de altas taxas iniciais que normalmente vêm com a criação de uma infraestrutura.

Com a segurança hospedada em nuvem privada como parte de seu modelo SASE, as empresas podem permitir que seus usuários acessem rapidamente um navegador da Web e acessem o software sem se preocupar em lidar com problemas relacionados à segurança.

Em última análise, a segurança gerenciada e hospedada em nuvem privada faz mais sentido para organizações que não têm os recursos para construir um modelo SASE como parte de sua rede e entregá-lo como um serviço de nuvem.

Os serviços privados não apenas tratam dessa integração, mas também cuidam de garantir a integridade da segurança da rede por meio do monitoramento contínuo.

O melhor desses serviços hospedados em nuvem construirá sistemas de monitoramento em protocolos de segurança de rede de uma empresa desde o nível mais básico, que é essencial para manter os sistemas livres de software malicioso.

A Cisco está conduzindo a revolução do acesso seguro em todos os lugares com uso do SASE

Secure Access Service edge (SASE) combina funções de rede e segurança na nuvem para fornecer acesso seguro e contínuo aos aplicativos, em qualquer lugar que os usuários trabalhem.

As funções principais incluem rede de longa distância definida por software, gateway seguro da web, firewall como serviço, agente de segurança de acesso à nuvem e acesso à rede de confiança zero. O modelo SASE visa consolidar essas funções em um único serviço de nuvem integrado.

Os benefícios de um modelo SASE são desbloqueados trabalhando com um único fornecedor que pode reunir as melhores redes, segurança e capacidade de observação – ao mesmo tempo que oferece flexibilidade e proteção do investimento para fazer a transição para a nuvem no seu ritmo.

A Cisco fornece todos os blocos de construção de uma arquitetura SASE hoje, reunidos em uma única oferta.

SASE do seu jeito

A infraestrutura de nuvem global da Cisco oferece os melhores recursos de rede e segurança da categoria para fornecer soluções simples e flexíveis que se dimensionam para atender às suas necessidades.

  • Conectar

Libere sua força de trabalho, fornecendo uma conexão perfeita para aplicativos em qualquer ambiente de qualquer local.

  • Controle

Simplifique a segurança, otimize as políticas e aumente a proteção com um serviço de segurança multifuncional na nuvem.

  • Converge

Una segurança e rede por meio de uma abordagem flexível e integrada que atende às demandas de várias nuvens em escala.

A abordagem da Cisco para SASE combina rede líder e funcionalidade de segurança em um único serviço nativo da nuvem para ajudar a proteger o acesso onde quer que os usuários e aplicativos residam.

Ente em contato com nossos especialistas para saber mais!

Sobre a N&DC

A N&DC é uma integradora de soluções de Tecnologia, Telecom e Serviços e vem atuando no mercado corporativo há 19 anos oferecendo tecnologia de ponta, contando com um time de profissionais capacitados, certificados, e com vasta experiência no setor em que atua.

Sempre visando o desenvolvimento de soluções de TI focando na satisfação de seus clientes, a N&DC atende com agilidade, qualidade e comprometimento. O objetivo de toda nossa equipe é continuar distribuindo soluções de tecnologia com alto desempenho para diversos segmentos, fornecendo infraestrutura, inovação e serviços de qualidade e que se adequam às necessidades atuais do mercado de TI.

N&DC Systems IntegrationSua empresa precisa de segurança de rede com uma arquitetura nativa de nuvem?
Leia Mais

Software Delivery e o Mito da Esteira Complexa

DevOps. DevSecOps.

Por onde passamos em nossos clientes estamos vendo essa evolução.

Empresas criando squads, separando os times, focando em automações que facilitem nessa jornada Dev -> Ops. Se tiver segurança então, melhor ainda um DevSecOps. Mas há uma complexidade nisso.

Há pessoas, scripts, diversas ferramentas de CI (Continuous Integration) /CD (Continuos Delivery), afinal de contas, precisamos dentro dessa esteira planejar a necessidade do nosso cliente, a criação, integração, verificações / validações, deploy e operação, monitoramento / observability e melhorias em um ciclo contínuo com foco em entregar a melhor experiência e valor para nosso cliente.

Parece complicado né?! E quando vamos ao Google procurar por ferramentas que compõem essa esteira? Temos um exemplo abaixo:

Hoje falamos em 3 motivações para ter um DevOps:

  1. Escalabilidade:  as soluções precisam ter mais escalabilidade. Manter a esteira customizada gera muito trabalho, recursos fixos no time, scripts bem documentados, pipeline documentado, envolvimento de várias squads desde infra até segurança, fluxos de aprovações entre outros;
  2. Migração para Cloud : é extremamente necessário ter pelo menos um Delivery Automatizado. É praticamente impossível subir kubernetes na nuvem sem automatizar, por exemplo. E a migração para Cloud, seja IaaS, PaaS ou SaaS, tem sido cada vez mais comum entre as empresas;
  3. Pressão por Inovação:  nosso usuário final cada vez mais quer uma experiência digital. Se pensarmos em e-commerce, fintechs e outros segmentos que possuem um mercado competitivo, e impulsionados pelo cenário atual, a pressão pela inovação é alta. E nosso time DevOps tem que estar pensando em inovação e não resolvendo bugs.

Ter uma ferramenta de orquestração para essa esteira  e integrar teu repositório, cofre de senhas, ITSM, ferramentas de colaboração, etc. em um unico pipeline correndo as stages de DEV, HML, DEV, PROD de forma automatizada, documentada e ainda controlando o seu custo, cuidando das integrações, delivery seguro e automatizado, realizando o fundamental Continuous Verification: é isso que oferecemos com a Harness.

De forma muito simples, desmistificando a complexidade em montar um pipeline estável e escalável onde  podemos montar a esteira integrando com ferramentas já utilizadas podendo, inclusive substituir algumas ferramentas trazendo maior controle, segurança e automação.

A cada novo deploy, nova tag ou release  a esteira está preparada para subir seu terraform, integrado com a nuvem para subir a máquina (controlando teu custo) com gatilhos que peçam a aprovação no teu JIRA ou ServiceNow para poder seguir na esteira.

Queremos realizar aqui algumas perguntas provocativas te façam refletir sobre a necessidade de ter uma única plataforma para gerenciar  a performance, disponibilidade, desempenho e custos de forma automatizada:

  • Qual a sua frequência de deploys?
  • Quantos rollbacks ou rollover acontecem?
  • Quanto tempo para montar um pipeline?
  • Quanto tempo é gasto com cenários de testes em QA?
  • Quanto tempo para conseguir a aprovação para subir um deploy em PROD?
  • Hoje há uma auditoria dessa esteira? Saber quem está executando, onde, características, número de falhas, squad com maior performance?
  • E se a performance piorar? A esteira está integrada com sua stack de observability?
  • Hoje tem testes Blue Green? A/B? Canary?
  • Qual o teu custo em caso de cloud/multi cloud? Como é controlado correlacionando na esteira? Automático?

Vamos falar mais sobre isso?

A N&DC auxilia na adoção das melhores soluções de monitoramento para otimizar seu ambiente de trabalho. Fale com nossos especialistas! 

N&DC Systems IntegrationSoftware Delivery e o Mito da Esteira Complexa
Leia Mais

Atendimento remoto na triagem de pacientes: capacite médicos, equipes e otimize a segurança de todos!

O campo da telemedicina, ou atendimento remoto, mudou drasticamente desde o seu início. Você pode se surpreender, mas a ideia de cuidar de pacientes remotamente não é nova, tendo surgido há cerca de cinquenta anos quando alguns hospitais começaram a fazer experiências com telemedicina para alcançar pessoas em locais remotos.

Porém, com as rápidas mudanças na tecnologia nas últimas décadas e com o isolamento imposto pelo coronavírus, o atendimento remoto se transformou em um serviço integrado usado em hospitais, residências, consultórios médicos particulares e outras instalações de saúde.

Para te mostrar, fizemos um breve resumo dos avanços do atendimento remoto de pacientes nos últimos anos, das tecnologias usadas e dos benefícios que a telemedicina traz tanto para instituições de saúde quanto para pacientes. Acompanhe!

Telemedicina: o atendimento remoto dos pacientes

A Organização Mundial da Saúde (OMS) se refere à telemedicina como “cura à distância”. Basicamente, a telemedicina é o uso de tecnologia para fornecer serviços clínicos remotos aos pacientes. Os médicos usam a telemedicina para a transmissão de imagens digitais, consultas por vídeo e diagnóstico médico remoto.

Hoje, as pessoas não precisam mais agendar uma visita pessoal ao médico para receber o tratamento. O uso de conexões seguras de vídeo e áudio possibilita aos especialistas tratar os pacientes mesmo que eles estejam em suas próprias casas.

O primeiro objetivo do atendimento remoto de pacientes era atender aquelas pessoas que viviam em lugares remotos, longe dos grandes centros médicos. Hoje, a telemedicina continua ajudando a solucionar esse problema, mas ganhou novos propósitos nos últimos anos.

Além de permitir que as pessoas continuassem isoladas como forma de mitigar a propagação do coronavírus, o paciente moderno de hoje busca mais conveniência nos seus agendamentos. Ele quer marcar e realizar consultas pela internet, sem que precise perder tempo se deslocando ou aguardando em salas de espera lotadas — benefícios que o atendimento remoto oferece.

Os benefícios do atendimento remoto de pacientes

Conhecida como um avanço tecnológico que está mudando toda a infraestrutura de saúde, a telemedicina veio para ficar. Hoje, pacientes, provedores e pagadores podem se beneficiar com o atendimento remoto.

Sistemas de saúde, consultórios médicos e instalações de enfermagem qualificadas estão usando a telemedicina para fornecer cuidados com mais eficiência. As tecnologias que vêm integradas ao software de telemedicina, como registros médicos eletrônicos, diagnósticos de IA e dispositivos médicos de streaming, podem auxiliar melhor os provedores no diagnóstico e tratamento.

Este último permite que os provedores monitorem os pacientes em tempo real e ajustem os planos de tratamento quando necessário. Em última análise, isso leva a melhores resultados para o paciente.

Os provedores também podem se beneficiar com o aumento da receita. Ao utilizar a telemedicina, os médicos podem atender mais pacientes sem a necessidade de contratar mais funcionários ou aumentar o espaço do escritório. Especialistas em telemedicina ajudam os provedores a configurar soluções de telemedicina compatíveis com as leis em voga, para agilizar os fluxos de trabalho e melhorar o atendimento ao paciente.

Do lado dos pacientes, a telemedicina permite que eles tenham acesso ilimitado aos serviços de saúde e vejam um médico sem sair de casa. Idosos com dificuldades de locomoção e pessoas em locais remotos podem fazer uma consulta com o uso de dispositivos médicos de streaming. A propagação de doenças (como a COVID-19) também é reduzida, pois aqueles contaminados não precisam expor outras pessoas em salas de espera lotadas.

Como o atendimento remoto é aplicado

Então, agora você sabe o que é o atendimento remoto e como ele beneficia instituições e pacientes. Mas como os sistemas de telemedicina são realmente entregues? Que tipo de tecnologia permite conexões digitais entre um provedor em um grande hospital e um paciente em uma casa rural remota?

Com a expansão da internet, muito da forma como a telemedicina é fornecida mudou. Agora, com uma simples conexão à internet, muitos pacientes em áreas remotas podem cuidar da sua saúde e se conectar com médicos onde quer que estejam.

No entanto, muitos podem se perguntar quais são as aplicações mais valiosas da telemedicina? Vamos descobrir algumas maneiras populares que a telemedicina é usada hoje.

Gestão de doenças crônicas

Os dispositivos tecnológicos de hoje permitem aos médicos monitorar a saúde dos pacientes de longe. Os vestíveis permitem que os provedores acessem a frequência cardíaca, pressão arterial, níveis de glicose e muito mais por meio da transmissão de dados de um dispositivo para outro, possibilitando que acompanhem pacientes com doenças crônicas de longe, sem que eles tenham que se deslocar regularmente para hospitais ou clínicas.

Gestão de medicação

Aqueles no setor de saúde reconhecem que o gerenciamento de medicamentos é essencial, especialmente entre os idosos. Os idosos têm maior probabilidade de esquecer de tomar seus medicamentos, e é aí que entra a telemedicina. Prestadores de serviços e outros profissionais de saúde podem usar a tecnologia para monitorar quando e se seus pacientes tomaram os medicamentos. Como resultado, isso leva a menos readmissões hospitalares.

Compartilhando informações médicas

Hoje, os médicos da atenção primária podem se conectar com especialistas que estão em outro local. Informações de saúde, como imagens diagnósticas, análises de sangue e muito mais dados podem ser compartilhados para uma avaliação apropriada do paciente em tempo real.

Esvaziando a sala de emergência 

Sem dúvida, o pronto-socorro é um dos ambientes mais caros, superlotados e estressantes da saúde. Com a telemedicina, salas de emergência superlotadas podem ser reduzidas fazendo com que os pacientes consultem um médico remoto usando primeiro o chat por vídeo. O médico remoto pode determinar se aquele indivíduo deve procurar atendimento em um departamento de emergência, o que aumenta a eficiência do pronto-socorro.

O atendimento remoto ainda tem muito a avançar para se tornar uma opção realmente viável a todos. No entanto, os avanços dos últimos anos mostraram que a tecnologia na medicina veio para ficar, melhorando os cuidados oferecidos ao paciente e otimizando os custos internos das instituições.

Quer saber mais sobre o atendimento remoto? Veja 5 tendências para o futuro da medicina e saiba como elas podem afetar sua instituição ou entre em contato com nossos especialistas. Estamos prontos para te auxiliar em qualquer dúvida.

N&DC Systems IntegrationAtendimento remoto na triagem de pacientes: capacite médicos, equipes e otimize a segurança de todos!
Leia Mais